Postado em 22/10/2015 00:00:00

Igesspa é modelo de gestão na área de saúde

Desde que assumiu o controle do pagamento dos médicos, o Instituto de Gestão do Sul do Pará (Igesspa) tem apresentado resultados positivos e garantido a eficiência do serviço de atendimento médico hospitalar na cidade de Xinguara.

Criado pelo contador Clauber Delano Bruno de Oliveira, o Igesspa é uma Instituição sem fins lucrativos, responsável pelos vencimentos dos plantões de  médicos e enfermeiros que prestam serviços na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) e Hospital Municipal.

Tendo a frente o diretor Almir Oliveira, o Igesspa tem atuado em parceria com a Secretaria Municipal de Saúde em diversas ações sociais no município de Xinguara. Recentemente o prédio onde funciona o Centro de Referência de Assistência Social (CRAS), passou por uma completa reforma na sua infraestrutura e mobiliários. A reforma foi paga com recursos do Igesspa. Um aparelho para realização de exames de  hemograma foi adquirido pelo Igesspa e doado para a Secretaria Municipal de Saúde.

O Igesspa é responsável pelo pagamento do aluguel de um aparelho para realização de exames cardiológicos, cedido para a Secretaria Municipal de Saúde. Todos os meses o Instituto realiza atendimento oftalmológico para pessoas de baixa renda em Xinguara.

Além das consultas, também efetua a doação de armação e lentes para aqueles que necessitam usar óculos.

Em Xinguara o Igesspa incentiva e participa ativamente nas campanhas “Outubro Rosa” e “Novembro Azul”, fazendo doações de consultas e exames de prevenção. Devido o sucesso e eficiência do serviço prestado pela  instituição em Xinguara, a prefeita Cátia Patrícia, do município de Água Azul do Norte, fechou parceria com o Instituto.

De acordo com o diretor Almir Oliveira, o Instituto mantém parceria com laboratórios de análises clínicas e todos os meses, pessoas de baixa renda, devidamente cadastradas pela Secretaria de Saúde, são atendidas com exames laboratoriais.

Para Oliveira, o segredo da eficiência  do Igesspa é  a seriedade na aplicação dos recursos que são repassados para o Instituto. “Somos uma instituição sem fins lucrativos, o que nos é repassado pagamos os médicos e enfermeiros e o restante é convertido em ações para a população do município, em ações de saúde, e esse é o segredo”, diz Oliveira.

(Dinho Santos)

Publicidade
250 x 90
Publicidade
250 x 90
Publicidade
250 x 90
Publicidade
250 x 90